intothewild
Na Natureza Selvagem (Into The Wild), Jon Krakauer, 202 páginas. Editora: Pan Books

Como falei nesse post aqui eu e a Brunna criamos um clube do livro no ano passado. Aliás, graças a ele e a outros dois que participo comecei a ler bem mais do que lia antes. Com isso, decidi que todos os livros que ler vou compartilhar a opinião aqui também.

Mês passado foi escolhido “Na Natureza Selvagem” e fiquei bastante empolgada em ler o livro. Dois motivos: adoro o filme e adoro livros sobre ‘jornadas’. Grande engano: o livro não tem tanta coisa de jornada/viagem e não é parecido com o filme. Pra quem não sabe, o livro e o filme contam a história do Christopher McCandless que abandona tudo depois que se forma na faculdade para ir de mochila viver no Alaska, sem ninguém, sem comida, sem nada, por alguns meses. Durante toda a jornada até ao Alaska ele encontra várias pessoas interessantes que acabam o ajudando, e meio que sem querer, mudando a vida delas.

O livro é baseado em fatos reais. Aliás, ele é mais uma grande matéria jornalística do que uma biografia em si, mas foi uma leitura interessante porque não tinha lido nada parecido até hoje. Confesso que o livro tem partes lindas, que me fizeram chorar e ficar com o coração na mão, mas ao mesmo tempo pode ser incrivelmente entediante em certos assuntos específicos que o autor resolve tratar, como até o motivo dele (o autor) chegar onde chegou, ou confuso já que não existe uma ordem cronológica nos acontecimentos da vida de Chris e se eu não lembrasse do filme, provavelmente teria ficado super confusa.

Em termos de história, o filme é bem mais interessante e recomendo até assistir antes, mas é uma leitura mais do que recomendada. É um livro curtinho, fácil de ler, e acima de tudo, incrivelmente apaixonante, assim como o próprio Christopher.

Vou tentar também falar sobre os livros que eu li desde então, mas paciência porque nem todos foram realmente interessantes.

Obs.: Sei bem que a foto do post é do filme e não do livro, mas.. como a capa é medonha e não tem uma foto melhor, resolvi pegar uma do filme mesmo.

Share: